A montadora americana General Motors utilizou US$ 2,8 bilhões de auxílio federal para ajudar a fabricante de equipamentos Delphi, sua ex-filial, revelaram nesta terça documentos apresentados pelo órgão regulador da bolsa SEC.

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237577755663&_c_=MiGComponente_C

Em outubro, a GM comprou uma participação na Delphi por US$ 1,7 bilhão e depois desembolsou mais 1,1 bilhão para comprar outras atividades dessa empresa.

Tudo isso aconteceu quando a GM acabara de deixar para trás um processo de concordata.

No documento enviado à SEC, a General Motors indica que ainda tem a sua disposição, depois dos fundos injetados na Delphi, US$ 13,6 bilhões dos 50 bilhões concedidos pelo governo desde dezembro.

Antigo líder mundial no setor, a General Motors, que atualmente pertence 60,8% ao Estado, saiu do regime de concordata no início de julho.

Leia mais sobre: General Motors

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.