Tamanho do texto

O gigante russo do gás Gazprom pediu que as negociações com a Ucrânia continuem, depois de anunciar nesta quinta-feira o corte do fornecimento de gás russo a este país.

"Pedimos que as negociações continuem", declarou o porta-voz da Gazprom Sergei Kuprianov durante uma entrevista à imprensa retransmitida ao vivo pela televisão.

A Gazprom acabava de anunciar que o fornecimento de gás destinado à Ucrânia havia sido interrompido às 07H00 GMT.

uh/pop/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.