Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Gazprom diz não ter prova de que Ucrânia assinou acordo sobre gás

Moscou, 11 jan (EFE).- A empresa russa Gazprom disse hoje que ainda não recebeu confirmação alguma de que a Ucrânia assinou o protocolo para a supervisão internacional do transporte do gás russo por território ucraniano.

EFE |

"Na Gazprom, não recebemos sequer um fac-símile do documento assinado em Kiev", informou a assessoria de imprensa da companhia.

Em nota, a Gazprom ressalta que o texto do protocolo deve ser "o mesmo que foi rubricado e assinado pela parte russa e a República Tcheca", país que exerce a Presidência rotativa da União Européia (UE).

A declaração da empresa russa foi feita horas depois de a primeira-ministra ucraniana, Yulia Timoshenko, ter anunciado em Kiev a assinatura do documento em uma entrevista com o primeiro-ministro tcheco, Mirek Topolanek.

"O gás começará a chegar assim que todos os observadores estiverem nas instalações. Acho que isto ocorrerá no curso de 36 horas", disse Topolanek nesta madrugada na capital da Ucrânia.

Após a assinatura do acordo, teria início o posicionamento de observadores nas estações de bombeamento russas, ucranianas e dos países fronteiriços do Leste Europeu, que controlarão a entrada do gás russo na Ucrânia e sua saída para a Europa. EFE bsi/sc

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG