Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Gartner revisa dados e aponta crescimento de 2,5% no setor de servidores no primeiro trimestre

SÃO PAULO - O faturamento mundial do setor de servidores aumentou 2,5% nos três primeiros meses deste ano em relação a igual período do ano passado, tendo chegado a US$ 13,31 bilhões. O número de aparelhos vendidos, porém, aumentou mais, com expansão de 7,6% ante o primeiro trimestre de 2007, para 2,27 milhões de equipamentos, segundo a consultoria Gartner, que atualizou dados inicialmente divulgados em maio.

Valor Online |

Na ocasião, a empresa havia dito que as receitas mundiais do setor cresceram 4,3% ante iguais três meses de 2007. Novas informações, porém, a levaram a revisar esses números.

Baseado em metas atualizadas e análises adicionais dos dados coletados, revisamos as estatísticas de faturamento para o primeiro trimestre, disse o vice-presidente de pesquisa do Gartner, Jeffrey Hewitt. Comentamos no último relatório que a HP e a IBM continuam a competir pela liderança mundial do mercado de servidores com base no faturamento. Isso continua válido na nova avaliação, mas os dados mostram que a IBM ainda mantinha o primeiro posto nesse ranking no primeiro trimestre de 2008, acrescentou.

No relatório de maio, a HP aparecia como líder do mercado em faturamento. Mas os dados atualizados mostram que a IBM obteve 29,4% do segmento de servidores entre janeiro e março, enquanto a HP ficou com 28,3% do faturamento do setor no período. As vendas dessas empresas foram de US$ 3,91 bilhões e US$ 3,77 bilhões, respectivamente, no primeiro trimestre do ano. Em relação a 2007, elas obtiveram aumento de 2,1 % e 3,8%, nessa ordem, em suas receitas de vendas de servidores.

Em número de equipamentos vendidos, porém, a HP se manteve líder, tendo comercializado 683,4 mil servidores entre janeiro e março, 7,8% mais que no mesmo período de 2007. Isso garantiu à empresa uma fatia de 30,1% do mercado global nesse segmento. A IBM, por outro lado, ficou em terceiro lugar em número de unidades vendidas, com 302 mil servidores, atrás da Dell, que vendeu 516,4 mil aparelhos. Enquanto a primeira viu crescer 2,3% suas vendas, e atingiu participação de 13,3% em unidades, a vice-líder apresentou expansão de 15,8% no comércio de servidores, dominando 22,7% do mercado.

(José Sergio Osse | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG