SÃO PAULO - Um estudo da consultoria Gartner estima que as conexões de banda larga estarão em 25% dos lares mundiais até o fim de 2012, embora hoje cheguem a apenas 18% deles. O número absoluto de conexões de alta velocidade à internet passará de 323 milhões ao fim de 2007 para 499 milhões em dezembro de 2012.

Um levantamento mostra que, no início deste ano, cinco países no mundo tinham mais de 60% de seus domicílios com acesso de banda larga. Em cinco anos, a expectativa é que esse grupo cresça para 17 países. Atualmente, o Canadá, a Holanda, a Suíça, a Coréia do Sul e Hong Kong são os únicos em que a proporção de residências com conexão de alta velocidade é de mais de 60%.

"Dependendo de condições específicas de mercado, da disponibilidade de aparelhos de acesso à internet e do contínuo impacto da banda larga no estilo de vida dos consumidores, esperamos que alguns mercados terão taxas de cobertura de banda larga de 80% das residências ou mais", diz a analista de pesquisa do Gartner, Amanda Sabia.

Segundo ela, as altas taxas de penetração em locais como a Coréia do Sul, Hong Kong e Holanda (93%, 76% e 74%, respectivamente) demonstram o que é possível atingir dadas as condições certas.

Países menores, com maior densidade populacional ou com gastos de governo na infra-estrutura para banda larga têm vantagem, mostra a pesquisa. Por conta disso, esses países serão os com acesso mais disseminado em 2012. No caso dos três já citados, as taxas devem chegar a 97% (Coréia do Sul), 82% (Holanda) e 81% (Hong Kong) nesse período.

O acesso de banda larga vai crescer, especialmente em mercados geograficamente maiores, à medida que os atuais fornecedores de banda larga continuam a instalar suas redes, e ao passo que novas tecnologias (como as de banda larga sem fio do tipo WiMAX) atraem mais assinantes, assim como por conta do contato maior dos usuários com as melhorias que um acesso rápido à internet oferece, afirmou a analista.

Nos mercados emergentes, a tendência de crescimento é errática. Segundo o Gartner, a distância digital entre mercados maduros e emergentes não apenas continuará, como aumentará em 13 pontos percentuais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.