SÃO PAULO - O G-7 expressou preocupação com a recente apreciação do iene frente ao dólar e a outras moedas e se comprometeu a monitorar a situação e cooperar se necessário. Estamos preocupados com a recente volatilidade excessiva na taxa de câmbio do iene e as possíveis implicações adversas para a estabilidade financeira e econômica, manifestou o grupo.

O G-7 compreende Estados Unidos, Alemanha, França, Inglaterra, Itália, Canadá e Japão. Esses países afirmaram que compartilham o interesse em um sistema financeiro "forte e estável".

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.