Entenda o que está em jogo na reunião do G20 http://ultimosegundo.ig.com.br/bbc/2008/11/14/mantega_defende_que_paises_reduzam_juros_de_forma_coordenada_2115273.html target=_topMantega defende que países reduzam juros de forma coordenada http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/11/15/g20_fara_acordo_para_implementar_50_medidas_ate_marco_diz_merkel_2115509.html target=_topG20 fará acordo para implementar 50 medidas até março, diz Merkel" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

G20 já tem esboço plano de ação concreto contra crise, dizem fontes

WASHINGTON - Um comunicado oficial preliminar preparado para a análise de líderes do G20, que se encontram neste final de semana em Washington, conterá um plano de ação delineando propostas concretas, disseram fontes européias ligadas ao grupo que congrega países desenvolvidos e potências emergentes. http://ultimosegundo.ig.com.br/bbc/2008/11/14/entenda_o_que_esta_em_jogo_na_reuniao_do_g20_2114316.html target=_topEntenda o que está em jogo na reunião do G20 http://ultimosegundo.ig.com.br/bbc/2008/11/14/mantega_defende_que_paises_reduzam_juros_de_forma_coordenada_2115273.html target=_topMantega defende que países reduzam juros de forma coordenada http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/11/15/g20_fara_acordo_para_implementar_50_medidas_ate_marco_diz_merkel_2115509.html target=_topG20 fará acordo para implementar 50 medidas até março, diz Merkel

Reuters |

AFP
Líderes mundiais reunidos em Washington

Líderes mundiais reunidos em Washington

"A cúpula terá resultados concretos. Você pode estar certo disso", disse uma importante autoridade de um país europeu do G20. A autoridade disse que o esboço contém uma seção dedicada às causas da crise global de crédito e um "plano de ação".

"O plano de ação conterá diversos destaques, sob os quais propostas concretas são resumidas", disse a autoridade. "Há uma divisão entre ações que devem ser tomadas imediatamente até 31 de março e ações de médio prazo."

Segundo fontes ouvidas pela Reuters, os líderes chegaram a um acordo sobre a necessidade de políticas orçamentárias e monetárias que ajudem o crescimento, afirmou aos repórteres uma das autoridades, que pediu para não ser identificada, acrescentando que o último ponto do acordo era, implicitamente, "um apelo para o corte das taxas de juros".

Bush na reunião

Neste sábado, ao chegar para o encontro, o presidente George W. Bush advertiu as autoridades do mundo contra o protecionismo. "Um dos perigos durante uma crise como esta é que as pessoas comecem a implementar políticas protecionistas. Obviamente, já se sabe, esta crise não acabou", disse Bush.

"Foram obtidos alguns progressos, mas ainda há muito trabalho por fazer. À noite tivemos uma discussão boa e franca (durante um jantar com chefes de Estado e de Governo). Estou com expectativas pelas discussões de hoje".

Leia também:

Leia tudo sobre: g20

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG