Tamanho do texto

O fundo de pensão do governo da Noruega, no qual o país investe o lucro do petróleo, vendeu sua fatia na mineradora Rio Tinto, avaliada em US$ 780 milhões. O conselho de ética do fundo disse que o grupo está diretamente envolvido, com sua participação na mina Grasberg, na Indonésia, em graves danos ambientais.

A Grasberg é uma joint venture entre a Rio Tinto e a Freeport-McMoran, que já havia sido excluída do fundo em 2006. A mina, segundo o governo norueguês, despeja 230 mil toneladas de resíduos por dia nos rios da região.