Londres, 24 mar (EFE).- Milhares de funcionários públicos britânicos fazem hoje uma greve no dia da apresentação do orçamento do Estado na Câmara dos Comuns, o que dificultará a chegada do ministro da Economia, Alistair Darling, ao Parlamento.

Cerca de 200 mil funcionários participarão da greve em todo o Reino Unido, em protesto pela imposição de mudanças que podem reduzir seus direitos de indenização em caso de demissão.

O sindicato de Serviços Públicos e Comerciais, que já tinha convocado outra greve no início deste mês, quer aumentar a pressão sobre o Governo porque considera que as mudanças que o Governo pretende estabelecer afetarão empregados que estão há mais tempo em seus postos.

A medida dificultará o funcionamento de diversos setores, como tribunais, prisões, museus, escritórios de desemprego, exames de direção e o Parlamento.

A greve coincide com a apresentação do orçamento, o último antes das eleições gerais britânicas, que deverão acontecer no máximo até o próximo dia 3 de junho. EFE vg/fm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.