Tamanho do texto

Filiados ao sindicato Genop, que reúne trabalhadores do setor elétrico na Grécia, começaram hoje uma greve geral de dois dias contra as medidas de austeridade econômica anunciadas pelo governo. Os funcionários da estatal Public Power Corporation paralisaram sete usinas de energia, nesta terça-feira.

O fechamento dessas usinas não teve efeito sobre o fornecimento por enquanto, segundo um porta-voz da companhia. "Até agora, não houve cortes no fornecimento de energia", afirmou o porta-voz. "Nós saberemos mais sobre isso nesta tarde, quando a demanda aumenta."

O Genop causou blecautes progressivos no país há dois anos, quando foram fechadas 17 usinas da Public Power Corporation. Na ocasião, os trabalhadores protestavam contra uma alteração no sistema de pagamento de pensões do país. O sindicato afirma que desta vez não quer causar problemas ao fornecimento de energia no país. Apesar disso, a diretoria do sindicato terá uma reunião, na manhã de amanhã, para decidir se será ampliada a ação dos grevistas. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.