Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Fraude nos EUA pesa e bolsas européias fecham em baixa

SÃO PAULO - Os principais indicadores acionários das bolsas européias fecharam em baixa hoje, com os temores em relação a novas perdas no setor financeiro superando o efeito positivo da alta das commodities no preço das ações das empresas do segmento. Em Londres, o índice FTSE-100 caiu 0,07%, para 4.277,56 pontos.

Valor Online |

O DAX-30, de Frankfurt, recuou 0,18%, para 4.654,82 pontos, e o CAC-40, da Bolsa de Paris, teve baixa de 0,87%, para 3.185,66 pontos.

Além de indicadores ruins sobre a atividade manufatureira nos Estados Unidos, que recuou 0,6% em novembro, os investidores tiveram que lidar com a divulgação de informações dos bancos sobre suas exposições aos fundos administrados pelo ex-presidente da Nasdaq Bernard Madoff, que é acusado de ter montado um esquema fraudulento de pirâmide com perdas estimadas em US$ 50 bilhões para os clientes.

Entre as instituições afetadas estão o Royal Bank of Scotland (RBS), o BBVA, o Santander, o Natixis, o BNP Paribas. Algumas das perdas, no entanto, são dos clientes desses bancos (caso do Santander) e não da carteira própria das instituições. As ações do RBS caíram 3,7% em Londres e os papéis do BNP Paribas perderam 10,1% em Paris.

Além da exposição de 350 milhões de euros ao esquema de fraude de qual Madoff é acusado, a ação do banco francês sofreu por conta de uma decisão judicial que suspende a conclusão da compra do Fortis, a pedido de acionistas minoritários. No auge da crise, o Fortis foi desmembrado e vendido ao governo da Holanda e ao BNP Paribas.

Do lado corporativo, destaque negativo para a sueca Electrolux, cujas ações caíram 9,7% após a empresa informar que não atingirá os ganhos previstos para este ano e que cortará 3 mil empregos.

Ainda entre as empresas, as ações da mineradoras acompanharam a alta das commodities. Os papéis da Antofagasta subiram 4,9% e os da Rio Tinto ganharam 3,6%
(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG