Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Frango: Rússia adia por um ano novas regras sobre uso de cloro

São Paulo, 30 - A Agência Federal de Supervisão e Proteção dos Direitos Humanos e Saúde da Rússia (Rospotrebnadzor) adiou por um ano a entrada em vigor da nova regra sobre uso de cloro no processamento de carne de frango. A medida foi publicada no site oficial do órgão russo e informa que a vigência da decisão passa a ser 1º de janeiro de 2010 e não mais em 2009, como estava previsto anteriormente.

Agência Estado |

A decisão beneficia especialmente os Estados Unidos, um dos maiores fornecedores de carne de frango para o mercado russo. Isso porque, o Rospotrebnadzor deverá voltar a emitir as licenças de importação para a carne americana, que estavam suspensas. Segundo a própria entidade russa, até o dia 24 deste mês o órgão de inspeção sanitário russo não havia emitido nenhuma licença válida para 2009, quando a regra entraria em vigor.

Para que a licenças fossem emitidas para o frango americano o Serviço de Inspeção e Segurança Alimentar dos Estados Unidos deveria enviar ao governo russo uma lista de empresas que utilizam o cloro no processamento da carne de frango, com seus respectivos níveis. A expectativa do próprio Rosselkhoznadzor era de que as licenças voltassem a ser emitidas após novas inspeções nos frigoríficos americanos, o que deveria ocorrer a partir de fevereiro.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG