Tamanho do texto

Suicidou-se nesta terça-feira, em Nova York, um dos criadores do fundo Access International, que arrecadou dinheiro na Europa para investi-lo com Bernard Madoff, suspeito de um conto-do-vigário avaliado em US$ 50 bilhões, informou o jornal francês La Tribune.

"Thierry de la Villehuchet, de 65 anos, fundador da Access International junto com Patrick Littaye, não resistiu à pressão que se seguiu ao escândalo", diz o diário.

Madoff, ex-presidente da bolsa nova-iorquina Nasdaq, de 70 anos, detido no dia 11 de dezembro, é, por enquanto, o único acusado no caso.

Leia mais sobre fraude

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.