Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Ford e Microsoft se unem para melhorar carros elétricos

Nova York, 31 mar (EFE).- A Ford e a Microsoft anunciaram hoje um acordo que vai permitir que os donos de veículos elétricos da fabricante americana recebam uma aplicação informática que lhes ajudará a recarregar as baterias de seus automóveis de uma maneira mais eficiente e econômica.

EFE |

Nova York, 31 mar (EFE).- A Ford e a Microsoft anunciaram hoje um acordo que vai permitir que os donos de veículos elétricos da fabricante americana recebam uma aplicação informática que lhes ajudará a recarregar as baterias de seus automóveis de uma maneira mais eficiente e econômica. As duas empresas explicaram hoje em Nova York que a Ford decidiu integrar a plataforma Hohm da Microsoft, iniciada em junho de 2009 e desenhada para ajudar a reduzir o consumo energético das famílias através de um programa que estuda os dados fornecidos pelo interessado e apresenta recomendações. O primeiro veículo que poderá utilizar essa plataforma será o Focus Electric. A partir do próximo ano o carro oferecerá conselhos para determinar quando e como recarregar as baterias da forma mais eficiente e econômica possível. Segundo as companhias, à medida que o número de veículos elétricos no mundo aumentar, a demanda energética aumentará com força, já que cada automóvel pode duplicar o consumo elétrico de um lar enquanto as baterias são recarregadas. "A Ford e a Microsoft concordam que tornar a gestão energética mais fácil e econômica para os consumidores será fundamental para o êxito comercial dos veículos elétricos, assim como para ter um impacto positivo no meio ambiente", explicaram as empresas em comunicado. O executivo-chefe da Microsoft, Steve Ballmer, disse que "os veículos elétricos terão um papel importante no esforço mundial para aumentar a eficiência energética e enfrentar a mudança climática". Acrescentou que "com o Hohm, a Ford e a Microsoft oferecerão uma solução para tornar a tomada de decisões inteligentes sobre a forma mais eficiente e econômica de recarregá-los mais fácil para os donos dos veículos". Alan Mulally, seu colega na Ford (a firma que vende mais veículos híbridos nos Estados Unidos), disse que "este era um passo necessário para desenvolver a infraestrutura que permitirá tornar os veículos elétricos viáveis". A fabricante tem quatro modelos elétricos no mercado. O Hohm recolhe a informação que o usuário facilita, desde sua localização geográfica (para obter dados climáticos) até os aparatos e número de membros da família, e elabora um relatório personalizado com recomendações. EFE mgl/pb
Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG