Washington, 26 jan (EFE).- O Fundo Monetário Internacional (FMI) assegurou hoje que a Colômbia está em boa posição para enfrentar os desafios impostos pela atual crise econômica global.

Em relatório sobre a série de consultas com o país sul-americano que terminou em 14 de janeiro, o FMI disse que a economia colombiana teve um bom desempenho nos últimos anos.

Segundo o Fundo, como resultado dessa gestão, o crescimento entre 2006 e 2007 superou a média regional com um produto interno bruto que há dois anos foi de 7,7%.

No entanto, apesar da visão otimista do Fundo perante a gestão econômica colombiana, os membros do organismo advertiram que o país deve manter uma política de respostas "flexíveis e oportunas" perante os desafios.

Como ocorreu em outros países, a inflação na Colômbia deu um salto impulsionada principalmente por um aumento nos preços dos alimentos e dos combustíveis.

Segundo os números do organismo, a inflação em 2007 foi de 5,7%, para subir a 7,7 no ano seguinte.

Sobre a política cambial, o FMI indicou que o regime flexível aplicado pelo Governo de Bogotá ajudou a manter a estabilidade externa perante um ambiente exterior que muda rapidamente.

O FMI também afirmou que apesar da política fiscal ter sido expansiva, a dívida pública seguiu caindo e os indicadores financeiros continuaram sólidos. EFE ojl/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.