Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Flexibilização só com garantia de emprego, diz CUT

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Artur Henrique da Silva Santos, sinalizou a disposição de discutir a flexibilização dos contratos de trabalho, contanto que o empresariado ofereça como contrapartida a garantia dos empregos. Temos a predisposição de discutir a desoneração da folha, jornada flexível, diminuição da jornada no período de crise.

Agência Estado |

Temos a disposição de discutir isso, mas tem de ter uma contrapartida, que é a garantia do emprego", disse. O presidente da CUT informou que não deve participar da reunião de hoje entre a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e a Força Sindical.

"Eles estão discutindo a utilização do mecanismo de suspensão do contrato de trabalho, que já é possível. Portanto, você não precisa fazer uma reunião para referendar aquilo que já existe", criticou Henrique. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG