Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Finep recebe 2.665 projetos para subvenção econômica

RIO - A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) recebeu 2.665 propostas para participação no Programa de Subvenção Econômica 2008, que destinará R$ 450 milhões para projetos de inovação e teve as inscrições encerradas no último dia 30. Em relação a 2007 foram recebidas 98 inscrições a mais para recebimento dos recursos, que são não-reembolsáveis.

Valor Online |

A Finep pretende divulgar as empresas selecionadas na primeira fase no início de agosto. Essas companhias terão que enviar o projeto detalhado para a instituição até 1º de setembro e o resultado final, com o nome das empresas que receberão recursos, está previsto para 17 de outubro.

Em nota, o superintendente da área de inovação para competitividade empresarial da Finep, Luiz Coelho Lopes, se disse positivamente surpreso com a procura, uma vez que este ano a instituição restringiu as áreas passíveis de apoio em relação a 2006 e 2007.

O edital da Subvenção Econômica de 2008 contempla seis áreas estratégicas. A de tecnologias da informação e comunicação foi a que mais apresentou propostas, com 1.155, seguida pela área da saúde, com 383 projetos. No segmento de programas estratégicos foram 346 inscritos, contra 337 em desenvolvimento social, 287 em biotecnologia e 157 em energia.

Na demanda por regiões, o Sudeste lidera a lista, com 1.542 propostas, seguido do Sul, com 608 inscrições. Em seguida aparecem o Nordeste, com 286 projetos, o Centro-Oeste, com 160 propostas e o Norte, que concorre com 69 projetos. O edital prevê que 30% dos recursos devam ser destinados a essas três regiões. No caso de não haver demanda qualificada nessas regiões, os recursos serão remanejados para apoio aos demais projetos aprovados.

Os R$ 450 milhões previstos no edital serão distribuídos entre as seis áreas, que receberão R$ 80 milhões para apoio a projetos inovadores cada uma, com exceção apenas do setor de desenvolvimento social, que contará com R$ 50 milhões. O valor mínimo de cada projeto será de R$ 1 milhão com prazo de execução de 36 meses. Haverá, ainda, uma contrapartida que ficará entre 5% e 20% do valor total do projeto no caso de empresas menores, e entre 100% e 200% para empresas de médio e grande porte. Ainda segundo o edital, 40% dos recursos vão apoiar pequenas empresas.

(Rafael Rosas | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG