Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

FGV: limão, tomate e carne bovina seguram 2ª prévia do IGP-M

Rio, 21 - Na análise dos preços dos produtos no varejo, as altas de preços mais expressivas, na segunda prévia do IGP-M de janeiro, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), foram apuradas em batata-inglesa (19,97%); tarifa de ônibus urbano (1,39%); e mamão da Amazônia - papaia (11,71%). Já as mais significativas quedas de preços foram registradas em limão (-36,36%); tomate (-7,29%); e acém (-5,74%).

Agência Estado |

No varejo, o IPC acumula elevações de 0,59% no ano e de 5,68% em 12 meses, até a segunda prévia do IGP-M de janeiro, anunciada hoje pela FGV - sendo que o IPC representa 30% do total do IGP-M.

Segundo a FGV, a aceleração na taxa do IPC, na passagem da segunda prévia do IGP-M de dezembro para igual prévia do mesmo indicador em janeiro (de 0,54% para 0,59%), foi influenciada principalmente por aumento mais intenso de preços no grupo Educação, Leitura e Recreação (de 0,38% para 1,18%). Nesta classe de despesa, o principal destaque foi o item cursos formais, cuja taxa de inflação passou de 0,00% para 1,68%.

Das sete classes de despesa usadas para cálculo do índice, quatro apresentaram taxas de inflação mais fortes no período. Além de Educação, é o caso de Alimentação (de 0,76% para 0,81%); Transportes (de 0,33% para 0,72%); e Despesas Diversas (de 0,16% para 0,27%). As outras classes de despesa apresentaram desaceleração de preços. É o caso de Habitação (de 0,45% para 0,28%); Vestuário (de 0,72% para 0,38%) e Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,65% para 0,50%).

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG