Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

FGV: batata, tomate e tarifa de ônibus puxam IGP-10 no varejo

Rio, 15 - Na análise por produtos da Fundação Getúlio Vargas (FGV), as altas de preço mais expressivas no varejo, no IGP-10 de janeiro, foram registradas em tarifa de ônibus urbano (1,50%); batata-inglesa (14,96%); e tomate (11,79%). Já as mais significativas quedas de preço foram apuradas em limão (-40,22%); feijão carioquinha (-11,65%); e acém (-5,08%).

Agência Estado |

No varejo, o IPC-10 acumula altas de 0,62% no ano e de 5,86% em 12 meses até janeiro.

O IGP-10 é composto pelos três indicadores: o IPA, o IPC e o INCC. O IPA é o que tem maior peso no índice geral, representando 60% do total do IGP-10. O IPC representa 30% e o INCC, 10%. Até janeiro, o IPA-10 acumula queda de 1,50% no ano e registra avanço acumulado de 8,56% em 12 meses.

De acordo com a FGV, das sete classes de despesa usadas para cálculo do IPC-10, cinco apresentaram aceleração de preços, de dezembro para janeiro. É o caso de Vestuário (de 0,37% para 0,40%); Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,59% para 0,62%); Educação, Leitura e Recreação (de 0,41% para 1,22%); Transportes (de 0,31% para 0,83%); e Despesas Diversas (de 0,22% para 0,29%). As outras duas classes de despesa apresentaram desaceleração de preços, no mesmo período. É o caso de Alimentação (de 1% para 0,81%) e de Habitação (de 0,57% para 0,29%).

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG