Redação central, 8 out (EFE) - A decisão do Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) de cortar, hoje, os juros em 0,5 ponto percentual, até 1,5%, fez com que a taxa se situasse ao nível de agosto de 2004.

Com o novo corte dos juros, dos 2% que eram mantidos desde abril até 1,5%, o Fed volta a reduzir a taxa, após mantê-la estável nas três últimas reuniões.

Nos dois últimos anos, a instituição optou por manter as taxas de juros em dez ocasiões e por baixá-las em sete reuniões consecutivas.

Deste modo, os juros se aproximam do mínimo histórico de 1%, alcançado em 25 de junho de 2003, e retomam o caminho de queda iniciado há mais de um ano com a explosão da crise gerada pelas hipotecas subprime. EFE mbr/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.