Tamanho do texto

SÃO PAULO - O Federal Reserve (Fed) anunciou nesta terça-feira plano para comprar commercial papers (notas promissórias), mecanismo de financiamento de curto prazo que muitas empresas usam para financiar suas operações rotineiras de capital de giro. O Conselho do banco central americano criará um linha de financiamento de commercial paper, a Commercial Paper Funding Facility (CPFF), que complementará as linhas de crédito existentes do Fed a fim de oferecer liquidez aos mercados a termo.

O CPFF proverá liquidez aos emissores de commercial paper dos Estados Unidos por meio de um veículo de propósito especial (SPV, na sigla em inglês), que comprará papéis lastreados em recebíveis com prazo de três meses diretamente dos emissores escolhidos.

"O Fed dará financiamento ao SPV sob o CPFF e será garantido por todos os ativos do SPV. No caso dos commercial papers que não forem lastreados em ativos, haverá o pagamento antecipado de comissões pelos emissores ou outras formas de garantia aceitas pelo Fed em consulta com os participantes do mercado", ressaltou em nota.

O Departamento do Tesouro americano acredita que essa linha é necessária para evitar interrupções substanciais no mercado financeiro e na economia fará um depósito especial na unidade regional de Nova York do Fed visando respaldar a linha.

O Fed avalia que ao reduzir o risco associado à rolagem desses papéis, mais investidores estarão dispostos a comprar os commercial papers, encorajando o mercado a voltar a sua normalidade. isso deve reduzir as taxas dos papéis de curto prazo e incentivar a busca por títulos mais longos.

(Valor Online)