Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Febraban prevê crescimento de 18% do crédito em 2009

A desaceleração do crescimento da economia brasileira irá refletir na taxa de operações de crédito da carteira total em 2009. Segundo projeções da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o crescimento do crédito no próximo ano será de 18,19%, abaixo da taxa de 32% a 33% projetada para 2008.

Agência Estado |

O levantamento divulgado hoje pela entidade, que tem como base pesquisa feita com 33 instituições financeiras, aponta que a desaceleração na concessão de créditos para pessoas físicas levará o indicador a um crescimento de 17,86% em 2009, contra uma taxa superior a 20% registrada este ano. As operações de crédito para pessoa jurídica deverão crescer 20,59% no próximo ano, também abaixo da marca registrada este ano, próxima de 40%.

De acordo com o economista-chefe da Febraban, Rubens Sardenberg, a expansão mais expressiva nos créditos concedidos a pessoas jurídicas reflete a migração das captações no mercado externo para operações domésticas. No segmento pessoas físicas, por sua vez, o índice será pressionado pela desaceleração de alguns setores já afetados pela crise, como a área automobilística.

A projeção da Febraban para as operações de crédito com recursos livres em 2009 aponta crescimento de 18,97%, enquanto as operações com recursos direcionados devem ter expansão de 15,72% no próximo ano. As duas projeções apontam crescimentos inferiores aos projetados para 2008, acima de 25%.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG