Tamanho do texto

Os lares americanos continuaram empobrecendo durante o quarto trimestre a um ritmo recorde, segundo os quadros de compatibilidade nacional publicados nesta quinta-feira pelo Federal Reserve dos Estados Unidos (Fed), o banco central americano.

A riqueza das famílias americanas (isso é, a diferença entre o patrimônio e suas dívidas) alcançava US$ 51,477 trilhões no final do terceiro trimestre, 9% a menos que no final do trimestre precedente.

Segundo o Fed, que publica estes dados com base trimestral desde 1951, o nível de riqueza das famílias nunca havia desabado tão rapidamente.

Isto representa uma redução recorde de 31% ao ano, indicou o documento do banco central.

Em todo 2008, essa riqueza conheceu uma queda de 17,9% depois de cinco anos consecutivos de alta ficando abaixo de seu nível de 2004.

Leia mais sobre riqueza

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.