Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Família confirma que multimilionário alemão Merckle cometeu suicídio

(acrescenta a confirmação do suicídio pela família e as dificuldades financeiras que atravessava) Frankfurt (Alemanha), 6 jan (EFE).- O multimilionário alemão Adolf Merckle, um dos homens mais ricos da Alemanha e que passava por dificuldades financeiras, cometeu suicídio nesta segunda-feira, confirmou hoje sua família.

EFE |

Merckle, de 74 anos, foi atropelado na segunda-feira por um trem por volta das 14h30 (de Brasília) perto de sua residência, em Blaubeuren, ao sudoeste de Ulm, no Estado de Baden-Württemberg, sudoeste da Alemanha, informou o jornal "Die Welt".

"A situação de crise econômica de suas empresas causada pela crise financeira e a incerteza somada a ela nas últimas semanas, assim como a impotência de não poder agir, derrubaram o apaixonado empresário e acabaram com sua vida", disse a família em comunicado.

Merckle era o proprietário majoritário da construtora HeidelbergCement, do produtor de medicamentos genéricos Ratiopharm e da farmacêutica Phoenix.

No final de outubro do ano passado, Merckle perdeu até um bilhão de euros com investimentos especulativos nas ações da fabricante automobilística Volkswagen, segundo a imprensa.

As perdas não se limitavam ao patrimônio privado de Merckle, mas tinham gerado problemas de liquidez em suas empresas, que têm dívidas financeiras de 16 bilhões de euros, com um faturamento de 30 bilhões de euros e 100 mil empregados, de acordo com a imprensa.

Poucos dias atrás Merckle tinha recebido ajuda de vários bancos para estabilizar seu império empresarial.

A Promotoria de Ulm explicou que Merckle morreu em um acidente de trem em uma localidade próxima à sua cidade de origem Blaubeuren, confirmou a imprensa local.

O empresário saiu ao meio-dia de casa e não voltou, pelo que os familiares denunciaram seu desaparecimento.

A revista americana "Forbes" calculou o patrimônio de Merckle em 7 bilhões de euros no passado.

As ações da HeidelbergCement, que cotam no índice de empresa médias MDAX, caíram 5,8%, até 31,46 euros, após o anúncio do suicídio de Merckle. EFE aia/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG