HELSINQUE - A companhia sueco-finlandesa Stora Enso, uma das maiores produtoras mundiais de papel, teve uma perda líquida de 679 milhões de euros (quase US$ 870 milhões) em 2008, informou hoje a empresa. Quase todo esse prejuízo foi acumulado no último trimestre do ano, quando a firma perdeu 654 milhões de euros (US$ 837 milhões) líquidos.

A maior produtora de celulose da Europa faturou 11,028 bilhões de euros (US$ 14,115 bilhões) em 2008, quase 7% a menos do que no ano anterior, respondendo à queda da demanda com uma corte da produção entre 15% e 30%.

Em setembro do ano passado, a Stora Enso já anunciara um plano de reestruturação demitindo 1.700 trabalhadores e suspendendo outros 5 mil temporariamente na Finlândia, com o objetivo de aumentar em 140 milhões de euros (cerca de US$ 200 milhões) seu lucro operacional anual antes do final de 2010.

Em 2007, ela havia lucrado 12,8 milhões de euros (US$ 16,4 milhões).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.