O ex-primeiro-ministro belga Jean-Luc Dehaene presidirá o conselho de administração do banco franco-belga Dexia, que enfrenta dificuldades, com o francês Pierre Mariani assumindo a direção executiva da mesma instituição, informou nesta terça-feira o governo em Bruxelas.

Dehaene e Mariani substituirão, respectivamente, Pierre Richard e Axel Miller, cujas saídas foram anunciadas paralelamente ao plano de socorro montado há uma semana pelos governos de Bélgica, França e Luxemburgo.

A designação de Dehaene e de Mariani, um diretor-executivo do BNP Paribas, foi anunciada pelo premier belga, Yves Leterme, e pelo ministro das Finanças, Didier Reynders, ao final de uma reunião do gabinete, que terminou de madrugada.

As nomeações são fruto de um acordo entre os governos belga e francês, segundo Leterme.

ylf/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.