Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Exportações européias de trigo crescem e tiram mercado dos EUA

Londres, 25 - Em menos de seis meses, a União Européia já exportou mais trigo do que em toda a safra passada. As licenças concedidas nas 21 primeiras semanas do ciclo 2008/09 somam 9,6 milhões de toneladas, ante 9,4 milhões em 2007/08.

Agência Estado |

O grande volume de produção, a queda dos custos de frete e a oscilação do câmbio impulsionaram as vendas. A queda dos custos de frete e o enfraquecimento da libra esterlina e do euro deixaram o trigo europeu mais competitivo no mercado internacional. Enquanto isso, os Estados Unidos, outro grande exportador mundial, perdeu espaço com a valorização do dólar.

O preço do trigo produzido na Rússia e na região do Mar Negro é ainda mais baixo do que o europeu. Com a entrada das safras de Austrália e Argentina, a competição pelos importadores deve ficar ainda mais dura. No começo da semana, o produtor norte-americano de suínos Murphy-Brown, pertencente ao Smithfield Foods, anunciou que planejava importar trigo do Reino Unido e do Brasil para uso na ração animal.

Recentemente, um navio com 45 mil toneladas de trigo para ração deixou o Reino Unido com destino aos Estados Unidos. Segundo traders britânicos, outro carregamento semelhante está previsto para o final desta semana. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG