Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Exportações e importações batem recordes no mês de julho

SÃO PAULO - A balança comercial brasileira fechou o mês de julho com um superávit de US$ 3,304 bilhões, informou nesta sexta-feira o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O mês apresentou recordes históricos tanto para as exportações, US$ 20,453 bilhões, como para as importações, US$ 17,149 bilhões.

Redação com agências |

O valor de exportações e importações somadas em julho, US$ 37,602 bilhões, representam a maior corrente de comércio mensal da história do País.

O saldo positivo de US$ 3,304 bilhões na balança comercial de julho foi o segundo melhor do ano, ficando atrás apenas do resultado de maio, de US$ 4,073 bilhões. Em junho, foi verificado superávit comercial de US$ 2,719 bilhões.

Recordes

Pelo critério da média diária, o valor das exportações em julho foi 38,6% maior que o registrado no mesmo mês do ano passado e 0,4% melhor que a performance em junho último.

As importações brasileiras no mês de julho cresceram 52,2% em relação à média diária apresentada em julho de 2007 e recuaram 1,4% na comparação com a média diária registrada no mês de junho de 2008.

Queda

No ano, o superávit comercial acumulado soma US$ 14,653 bilhões (média diária de US$ 100,4 milhões). Pela média diária, entretanto, o superávit comercial ficou 38,7% menor que o registrado no mesmo período do ano passado (US$ 163,8 milhões).

Somente na quinta semana de julho, compreendida pelos dias 28 e 31 do mês passado, houve déficit comercial de US$ 123 milhões. Com quatro dias úteis, o período foi marcado por exportações de US$ 3,178 bilhões e compras de US$ 3,301 bilhões.

Analistas consultados pelo Banco Central projetam um superávit comercial de US$ 22,78 bilhões para a balança em 2008.

Leia mais sobre balança comercial

Leia tudo sobre: balança comercial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG