Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Exportações do País caem 1% na 1ª semana do mês

Depois de mostrar uma desaceleração no mês de outubro, as exportações brasileiras registraram queda de 1% na primeira semana de novembro, em relação à média diária do mês anterior. Houve queda de 1,9% nas vendas de produtos básicos e de 1,3% nos embarques de manufaturados.

Agência Estado |

Por outro lado, as vendas externas de semimanufaturados cresceram 5,4%.

Comparada com a média diária da primeira semana de novembro de 2007, de US$ 702,6 milhões, houve crescimento de 18,5% (US$ 832,8 milhões). Aumentaram em 49,8% as exportações de produtos básicos, por conta de farelo de soja, fumo em folhas, minério de ferro, petróleo em bruto, soja em grão, café em grão e carne de frango. As vendas de semimanufaturados subiram 37,4%, com destaque para semimanufaturados de ferro e aço, ferro fundido, ouro em forma semimanufaturada, açúcar em bruto, ferro-ligas e óleo de soja em bruto. Mas as vendas de manufaturados registraram queda de 4,9%, em razão das menores vendas de aviões, pneumáticos, tratores, açúcar refinado, polímeros plásticos, bombas e compressores, máquinas para terraplanagem e motores para veículos.

Nas importações, a média diária na primeira semana de novembro de 2008, de US$ 737,4 milhões, ficou 6,3% inferior a outubro deste ano (US$ 786,6 milhões) por conta de adubos e fertilizantes, aeronaves e peças, siderúrgicos, combustíveis e lubrificantes, automóveis e partes e equipamentos eletroeletrônicos. Na comparação com novembro de 2007, as importações cresceram 22,6%. Aumentaram os gastos, principalmente, com químicos orgânicos e inorgânicos, plásticos e obras, siderúrgicos, aeronaves e peças, farmacêuticos, equipamentos mecânicos e borracha e obras.

Na primeira semana de novembro de 2008, a balança comercial apresentou exportações de US$ 4,164 bilhões e importações de US$ 3,687 bilhões, resultando em superávit de US$ 477 milhões. No ano, as exportações totalizam US$ 173,536 bilhões e as importações, US$ 152,214 bilhões, com saldo positivo de US$ 21,322 bilhões.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG