Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Exportações de automóveis crescem 9% de janeiro a setembro

São Paulo, 6 out (EFE).- As exportações de automóveis no Brasil aumentaram em 9% em seu faturamento entre janeiro e setembro deste ano, em comparação com o mesmo período de 2007, atingindo US$ 10,71 bilhões, anunciou hoje o setor.

EFE |

A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) divulgou nesta segunda-feira os resultados do setor acumulados até setembro, com destaque para o faturamento por exportações e o aumento na venda local de automóveis que utilizam biocombustíveis.

A venda dos veículos flex, cuja combustão é feita com gasolina, etanol ou a mistura livre de ambos, alcançou no período mais de 1,8 milhão de unidades, 30,47% a mais que o volume entre janeiro e setembro do ano passado.

Até setembro, os automóveis flex responderam por 87% da nova frota de veículos leves.

No mesmo período, a produção total de veículos automotores avançou 19,9%, para 2,62 milhões de unidades no acumulado anual.

No mercado interno, foram vendidos 2,21 milhões de veículos no período, 32,7% a mais do que entre janeiro e setembro de 2007, com primeiro lugar para a produção da Fiat.

A expansão dos veículos automotores agrícolas no mesmo período foi também de 32,7%, para 63.401 unidades.

A venda de caminhões e veículos pesados teve um avanço de 35,5% nos mesmos meses comparados, enquanto que o faturamento por comércio de ônibus cresceu 21,5%, com liderança em ambos os setores da fabricante alemã Volkswagen.

Segundo a Anfavea, a produção ainda foi afetada pela série de greves do setor, a maioria por reivindicações salariais - não atendidas pelas companhias, cuja justificativa foi a desvalorização do real em relação ao dólar no período. EFE wgm/ab/jp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG