Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Exportação de carne argentina reage, mas fica abaixo da meta

Buenos Aires, 01 - As exportações argentinas de carne bovina cresceram em agosto, mas voltaram a ficar abaixo da cota de 45 mil toneladas. Os embarques de carne in natura e processada somaram 37,17 mil toneladas, ante 29,3 mil toneladas em julho, segundo o Serviço Nacional de Qualidade e Saúde Agroalimentar (Senasa).

Agência Estado |

O aumento é atribuído a um alívio nas restrições do governo. Nos meses de abril, maio e junho, as autoridades pararam de conceder permissões de exportação devido a uma série de greves ruralistas, que comprometeram o abastecimento doméstico e forçaram uma alta nos preços.

Nos oito primeiros meses do ano, a Argentina exportou 230,09 mil toneladas, ante 294,21 mil toneladas em igual período do ano passado. O volume também ficou bem abaixo da cota oficial de exportação, de 360 mil toneladas. A receita com as vendas chegou perto de US$ 1 bilhão entre janeiro e agosto, ante US$ 1,5 bilhão nos oito primeiros meses de 2007. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG