Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Exportação de automóveis chineses desacelerou em 2008

Pequim, 4 fev (EFE).- A China registrou aumento de 21,6% do valor de suas exportações de automóveis em 2008, para US$ 49,73 bilhões, mas o crescimento foi 23 pontos percentuais menor do que em 2007, devido à queda da demanda produzida pela crise, informou hoje a Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis.

EFE |

Segundo os estudos da associação, publicados pela agência oficial "Xinhua", o mercado foi especialmente afetado na segunda metade do ano, à medida que se agravava a crise financeira.

Desde agosto de 2008, as vendas mensais para o exterior de automóveis chineses foram caindo a cada mês.

As importações de veículos e autopeças no ano passado subiram para US$ 31,43 bilhões, um aumento de 20,96%, e não mostraram uma desaceleração tão marcada como as vendas ao exterior, de acordo com a mesma fonte.

O número de veículos exportados pela China em 2008 foi de 680,7 mil unidades, o que representou um aumento de 11,1%, que contrastou com o forte crescimento de um ano antes (48,27%) e de 2006 (67,85%).

EFE abc/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG