Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Êxito da agência reguladora das bolsas dos EUA é agir com calma, diz presidente

O presidente da Comissão de Valores e Bolsa (SEC), cuja reputação se viu recentemente abalada, assegurou nesta quarta-feira, em entrevista ao jornal Washington Post, que o maior êxito da agência reguladora americana foi agir com calma e prudência frente à crise.

AFP |

"O que fizemos durante a atual agitação foi permanecer em calma e essa foi nossa maior contribuição: não ser impulsivo, não mudar as regras depedendo do vento, e sim realizar um processo muito profissional e metódico que leva em conta as conseqüências inesperadas da crise financeira", afirmou Christopher Cox.

"Esta prudência foi um singal de êxito para a SEC", acrescentou.

Cox assegurou ao Washington Post que o maior erro de seu mandato foi ter aceito em setembro a proibição excepcional de vendas a descoberto, e estimou que a medida não foi produtiva.

A SEC, encarregada de controlar os mercados, foi muito criticada por não ter previsto a crise dos créditos hipotecários de risco ("subprime"), que detonou a atual crise financeira.

A agência, também encarregada dos bancos de investimentos, viu quebrar três dos mais importantes: Bear Stearns e Merrill Lynch foram vendidos e o Lehman Brothers faliu.

maj/cn

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG