Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Executivo vê possibilidade de consolidação no etanol

O novo presidente da ETH Bioenergia, José Carlos Grubisich, deixou claro que sua chegada à companhia com atuação nos setores de açúcar e etanol deverá mudar o perfil de negócios da empresa. Responsável pelo processo de criação da Braskem e um dos principais defensores da consolidação da indústria petroquímica nacional, Grubisich afirmou que o setor apresenta grande oportunidade de consolidação.

Agência Estado |

A ETH possui investimentos identificados de R$ 5 bilhões e tem como meta se tornar a maior empresa do mundo no setor de açúcar e álcool dentro de 10 anos, disse Grubisich.

Para isso, a empresa poderá contar com a parceria da própria Braskem, que assim como a ETH é uma empresa controlada pelo Grupo Odebrecht. A petroquímica prevê o consumo de até 800 milhões de litros de etanol por ano para abastecer suas unidades produtivas. "Os projetos (das duas empresas) são complementares, mas as empresas terão estrutura societária própria", disse. A Odebrecht tem como parceira no controle da ETH a japonesa Sojitz Corporation, trading multinacional que atua na comercialização de commodities.

"A Braskem poderá buscar fornecedores de etanol dentro e fora do grupo, mas pretendemos fazer com que a ETH seja competitiva o suficiente para convencer a Braskem a ser sua parceira", disse o executivo. Antes da ida de Grubisich para a ETH, o mercado avaliava que uma das opções da Braskem seria adquirir usinas e garantir seu próprio fornecimento. Agora, essa alternativa deve perder força.

Para o novo presidente da petroquímica, Bernardo Gradin, o nome de Grubisich "facilita a confiança" da Braskem de que os projetos a partir de álcool do grupo "sejam realidade no curto prazo".

Grubisich também deverá ser o responsável por conduzir a ETH ao mercado de capitais. E, ontem, em teleconferência com analistas, já deu seu recado: "Peço que comprem carros flex e que utilizem álcool como combustível", disse aos analistas em tom bem humorado.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG