Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Executivo da Suzano Papel e Celulose vê crise como oportunidade

SÃO PAULO - O presidente do conselho de administração da Suzano Papel e Celulose, David Feffer, afirmou nesta tarde que a crise internacional pode ser uma oportunidade. Ele também disse concordar com a tese de que o empresariado nacional precisa ser ousado neste momento, conforme disse, também hoje, o presidente da Companhia Siderúrgica Nacional, Benjamin Steinbruch.

Valor Online |

Feffer acredita, no entanto, que também é preciso ter "responsabilidade".

De acordo com o executivo, os problemas de restrição de crédito no mercado internacional não afetam as decisões de investimento atuais da companhia, que já estão dadas. Segundo ele, o plano de expansão da empresa, definido entre junho e julho desse ano, prevê o aumento de produção dos atuais 3 milhões de toneladas por ano de celulose para 7,2 milhões de toneladas por ano até 2015.

Segundo Feffer, os recursos para essa expansão já foram captados nos últimos dois anos, portanto, a empresa não terá de enfrentar, agora, os problemas de financiamento no mercado internacional.

Ainda assim, o empresário disse que se tivesse que tomar a decisão de iniciar um plantio de celulose nesse momento, ele o faria.

Feffer participou nesta tarde do 5º Fórum de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV), em São Paulo.

"(Bianca Ribeiro | Valor Online)"

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG