Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

EUA: setor privado eliminou 693.000 empregos em dezembro

O mercado de trabalho continua se deteriorando em ritmo desesperados nos Estados Unidos, onde o setor privado suprimiu 693.000 vagas em dezembro, segundo estudo publicado nesta quarta-feira pela consultoria de recursos humanos ADP.

AFP |

A dimensão dos empregos perdidos é muito superior à prevista pelos analistas, que estimavam um retrocesso de 493.000 postos.

O estudo parece anunciar um informe oficial sobre o emprego bastante desfavorável, uma vez que as cifras de novembro já haviam sido bem ruins, com 553.000 empregos a menos.

O relatório, que acompanha a situação do mercado de trabalho nos setores público e privado, deve ser divulgado na sexta-feira pelo departamento do Trabalho.

A ADP também revisou para cima sua estimativa do número de empregos eliminados para o setor privado em novembro: 476.000, contra 250.000).

A revisão e a diferença entre seus resultados e os cálculos dos analistas para dezembro devem, no entanto, ser interpretados com cuidado, já que a ADP mudou o método e o modelo estatístico utilizados, para aproximá-los da fórmula usada pelo departamento do Trabalho.

Segundo a ADP, o setor de serviços, responsável por 85% do emprego agrícola nos EUA, eliminou 473.000 postos em dezembro, após ter suprimido 304.000 em novembro.

Registrando quedas em sua quantidade de mão-de-obra há quase dois anos, a indústria perdeu em dezembro 220.000 empregos, 120.000 deles no setor manufatureiro, segundo a consultoria.

As grandes empresas, com 500 ou mais empregados, suprimiram 91.000 postos de trabalho, enquanto as empresas médias (de 50 a 449 funcionários) eliminaram 321.000 postos. Numa notícia ainda mais preocupante, as pequenas empresas perderam 281.000 vagas, no terceiro mês consecutivo de queda.

"A redução do emprego nas pequenas empresas mostra claramente que a recessão vai além da indústria manufatureira e do setor imobiliário", escreveu a ADP no mês passado.

mj/ap

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG