Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

EUA: petróleo perde mais de cinco dólares em Nova York

Os preços do petróleo terminaram em forte baixa nesta quarta-feira em Nova York, com o barril perdendo mais de cinco dólares após o anúncio de um aumento das reservas petroleiras nos Estados Unidos, em clima de desaceleração econômica generalizada.

AFP |

Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de West Texas Intermediate (designação do "light sweet crude" negociado nos EUA) para entrega em dezembro fechou cotado a 65,30 dólares, uma queda de 5,23 dólares em relação a terça-feira.

Os preços do ouro negro registraram um movimento bastante volátil, depois de uma baixa de quatro dólares nsegunda-feira e de um salto de quase sete dólares na terça.

Em Londres, o barril do tipo Brent do mar do Norte com vencimento semelhante perdeu 4,57 dólares, encerrando a 61,87 dólares na InterContinental Exchange.

"O petróleo perdeu uma parte de seus ganhos de terça-feira, depois que os dados do departamento de Energia (DoE) americano mostraram um novo aumento dos estoques de produtos petroleiros e uma redução da demanda", explicou Andy Lipow, da Lipow Oil Asssociates.

Segundo o relatório semanal do DoE, apesar das reservas de cru se manterem estáveis, as de gasolina aumentaram, para a surpresa dos analistas. Os estoques de produtos destilados, seguidos de perto devido à aproximação do inverno na América do Norte, quando o consumo de combustível para calefação aumenta, também aumentaram.

A redução da demanda, sempre importante, registrou uma queda moderada nas quatro últimas semanas, quando os americanos consumiram em média 19,1 milhões de barris diários de produtos petroleiros, uma queda de 6,7% em relação ao ano anterior.

Para Lipow, "de maneira geral, os investidores continuam preocupados com a situação econômica" e com suas repercussões sobre a demanda de cru.

gmo/ap

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG