Tamanho do texto

Os preços do petróleo começaram a semana em alta nesta segunda-feira em Nova York, ao fim de uma sessão volátil mas calma, com poucas operações, marcada, no entanto, por temores sobre o transporte do cru do mar Cáspio para o Mediterrâneo.

Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de West Texas Intermediate (designação do "light sweet crude" negociado nos EUA) para entrega em outubro, novo contrato de referência, fechou cotado a 115,11 dólares, uma alta de 52 centavos em relação a sexta-feira.

Não houve nenhuma informação recente que pudesse influenciar os preços, mas "o mercado parece reagir a notícias velhas", acredita John Kilduff, analista da MF Global.

A sessão se caracterizou por uma forte volatilidade: "os mercados petroleiros estão bloqueados", afirmouKilduff.

Segundo analistas da Morgan Stanley, a tensão entre Ocidente e Rússia resultou num dia de poucas compras.

Os mercados petroleiros temem uma interrupção dos transporte de cru através do oleoduto BTC (Baku-Tbilisi-Ceyhan), pelo qual passam 1,2 milhões de barris diários (mbd) das reservas petrolíferas do Azerbaijão no mar Cáspio até o porto turco de Ceyhan, no Mediterrâneo.

lo/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.