O presidente americano Barack Obama advertiu nesta segunda-feira que os Estados Unidos não podem se permitir demoras no Congresso para o tratamento do amplo plano de reativação econômica, pedindo uma rápida e extraordinária decisão.

O presidente fez uma lista dos últimos anúncios de demissões realizados principalmente pelas empresas de alta tecnologia americanas, e disse que o clima econômico desolador mostra a necessidade de uma rápida decisão sobre o plano de US$ 800 bilhões.

Obama afirmou que os líderes políticos devem atuar com "um sentido de urgência e objetivo comum" e não podem se permitir distrações ou demoras.

Leia mais sobre Barack Obama

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.