Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

EUA e IGP-M no foco do investidor

As cotações das matérias-primas (commodities) ensaiaram na semana passada uma recuperação, que foi parcialmente abortada na sexta-feira (dia 22), após o discurso do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), Ben Bernanke. Segundo ele, a economia dos Estados Unidos dá sinais de que vai enfraquecer ainda mais, o que deve levar a uma queda dos índices de inflação.

Agência Estado |

Com isso, afastou, ao menos momentaneamente, a possibilidade de uma alta dos juros básicos nos Estados Unidos.

Nesta e nas próximas semanas, a volatilidade deve continuar dominando os mercados e os preços dos principais ativos tendem a oscilar bastante. Por isso, os resultados dos indicadores econômicos poderão provocar intensos vaivéns.

Na agenda americana desta semana, por exemplo, há a divulgação da ata da última reunião do Fed, amanhã; encomendas de bens duráveis relativas a agosto, na quarta (dia 27); e a primeira revisão do Produto Interno Bruto (PIB) do 2º semestre, quinta (dia 28). No Brasil, o destaque da agenda é a divulgação do Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) de agosto, na quarta-feira. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG