Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

EUA: déficit comercial recua pelo terceiro mês consecutivo

O déficit comercial registrou o terceiro mês consecutivo de queda em dezembro nos Estados Unidos, segundo dados publicados nesta quarta-feira pelo Departamento do Comércio.

AFP |

O déficit, em dados corrigidos pelas variações sazonais, caiu 4,1% em relação a novembro, ficando em 39,9 bilhões de dólares, o menor valor desde fevereiro de 2003, mas superior às expectativas dos analistas, de 35,5 bilhões de dólares.

No acumulado de 2008, o déficit comercial caiu 3,3% em relação ao ano anterior, chegando a 677,1 bilhões de dólares. Ele caiu pelo segundo ano consecutivo (depois dos 7% em 2007), o que não acontecia desde os anos 1990 e 1991.

Como nos meses anteriores, os EUA devem esta melhora de sua balança comercial a uma queda mais rápida de suas importações do que de suas exportações. As primeiras caíram 10,1 bilhões de dólares (-5,5%) em relação a novembro, para 173,7 bilhões de dóalres, e as segundas, 8,5 bilhões (-6,0%), para ficar em 133,8 bilhões de dólares.

Ao adicionar importações e exportações, o volume de trocas caiu 5,7% em relação ao mês anterior, sob efeito da queda da atividade econômica no mundo.

A redução das importações de petróleo, que começou em julho com a queda dos preços do petróleo e a recessão, foi no entanto menos marcada em dezembro do que os outros meses, ficando em 6,7% em dezembro.

O déficit comercial com o Canadá, primeiro parceiro comercial, continua caindo: a 2,8 bilhões de dólares, o menor valor desde junho de 1999.

O da China, segundo parceiro comercial, recuou pelo segundo mês consecutivo, a 19,9 bilhões de dólares, com importações em queda de 11,3% em relação a novembro.

No acumulado de 2008, o comércio exterior americano bateu novos recordes anuais, como as importações (2,52 trilhões de dólares), as exportações (1,843 trilhão de dólares), o déficit da balança de petróleo (386,3 bilhões), ou ainda o déficit com a China (266,3 bilhões).

hh/bar/lm

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG