transgênicos - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

EUA busca regulamentação para animais transgênicos

Washington, 28 - O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) teme que uma mistura de animais geneticamente modificados com rebanhos convencionais possa representar um risco à saúde humana. Por isso, o órgão que regula a produção agropecuária no país quer criar uma legislação de salvaguarda sobre a questão.

Agência Estado |

Pesquisas feitas nos Estados Unidos e em outros países tentam melhorar o desempenho dos rebanhos por meio da engenharia genética, um processo que geralmente usa técnicas de clonagem. A FDA (Food and Drugs Administration) já atestou a segurança da carne de animais clonados, mas não de animais geneticamente modificado.

Em nota publicada em uma página do governo na internet, o USDA declarou que a modificação genética de rebanhos "pode significar grandes benefícios sociais, na agricultura e na saúde humana e animal". Mas a agência ponderou que há "possíveis riscos, preocupações e impactos ambientais associados à tecnologia que podem requerer supervisão federal".

Barbara Glenn, diretora-gerente de biotecnologia animal para a Organização da Indústria de Biotecnologia, disse que tanto o USDA quanto a FDA estão tomando medidas preliminares para regulamentar os rebanhos geneticamente modificados. "Esses passos do governo serão bons para a ciência e suas aplicações", disse.

"Nós precisamos que essa orientação seja publicada para que possamos prosseguir com as pesquisas e ter a confiança do investidor", afirmou Glenn. "Nós somos a favor da obtenção de um atestado de segurança para esses produtos. Por isso, estamos realmente felizes que o USDA esteja tentando dar esses primeiros passos em relação a como eles poderiam definir seu processo regulatório". As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG