Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

ETH vai tomar R$ 1,15 bilhão com BNDES

SÃO PAULO - A ETH Bioenergia, braço do grupo Odebrecht no setor sucroalcooleiro, anunciou hoje que obteve a aprovação de uma linha de crédito no valor de R$ 1,15 bilhão com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Os recursos serão utilizados na primeira fase de implantação de três novas unidades, localizadas nos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Goiás.

Valor Online |

Quando estiverem operando, as três unidades terão a capacidade de moer, juntas, 15 milhões de toneladas de cana por safra, que irão gerar 1,1 bilhão de litros de etanol e 500 mil toneladas de açúcar. Além disso, possibilitarão a geração de 360 MW de energia elétrica, segundo a ETH.

A companhia, contudo, tem planos mais ousados e espera a atingir a capacidade de 45 milhões de toneladas na safra 2015/2016. O plano de crescimento contempla a implantação de novas unidades e a participação ativa no processo de consolidação do setor sucroalcooleiro nacional.

Atualmente, no entanto, a ETH tem duas usinas em operação, a Unidade Alcídia, localizada no Estado de São Paulo; e a Unidade Eldorado, instalada em Mato Grosso do Sul. Juntas, as duas deverão moer algo próximo a 3,5 milhões de toneladas de cana na safra 2008/2009.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG