Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Etanol volta a ser vantajoso no tanque em SP e no PR

Abastecer com etanol voltou a ser vantajoso nos Estados de São Paulo e Paraná. O álcool também segue competitivo em Mato Grosso e Goiás, de acordo com dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), compilados pela Agência Estado, referentes à semana que se encerra nesta sexta-feira.

Agência Estado |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237561716685&_c_=MiGComponente_C

AE

Preço do etanol volta a cair
Nos outros 22 Estados e no Distrito Federal, abastecer com gasolina ainda sai mais em conta.

Em São Paulo, que concentra mais de 50% do consumo de etanol combustível no País, voltou a ser vantajoso usar álcool nesta semana depois de dois meses que a gasolina estava mais competitiva. Considerando o preço médio da gasolina de R$ 2,466 por litro no Estado de São Paulo, o etanol hidratado é competitivo na região até R$ 1,7262 e, na média da ANP, o preço em São Paulo ficou em R$ 1,687 por litro, 2,3 % abaixo do ponto de equilíbrio entre gasolina e etanol. Na semana, os preços do etanol recuaram 5,43% no Estado de São Paulo.

A vantagem entre usar álcool ou gasolina é calculada considerando que o poder calorífico do motor a álcool é de 70% do poder nos motores à gasolina. No cálculo, são utilizados valores médios coletados em postos em todos os Estados e no Distrito Federal. Segundo o levantamento, em Goiás, o preço do etanol está em 65,64% do preço da gasolina, e Mato Grosso a relação é de 67,15%. Em São Paulo, a relação é de 68,41% e no Paraná de 68,82%. A gasolina está mais vantajosa principalmente no Amazonas (preço do etanol é 90,42% do valor da gasolina), Rio Grande do Sul (89,57%), Maranhão (86,06%) e Espírito Santo (85,14%).

Leia mais sobre: etanol

Leia tudo sobre: anpcombustíveiscombustíveletanolgasolinaálcool

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG