O Estado holandês injetou nesta terça-feira três bilhões de euros na seguradora Aegon, anunciou o ministério das Finanças.

"Com esta injeção de capital, a Aegon continua sendo um grupo de seguros saudável e bem dirigido, com uma reserva de fundos próprios que o transforma em uma das seguradoras mais sólidas do planeta", afirma um comunicado do ministério.

A empresa, o ministério e o Banco Central assinaram nesta terça-feira um acordo para a injeção de capital.

mlr-mba/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.