Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Esperança de resgate de montadoras nos EUA puxa alta na Ásia

HONG KONG - As bolsas de valores asiáticas registraram valorização de aproximadamente 4% nesta segunda-feira, com expectativas renovadas de que a indústria automotiva norte-americana será resgatada. Isso aumentou a disposição dos investidores para correr riscos e levou o dólar a registrar patamar mais baixo em dois meses em relação ao euro.

Reuters |

Investidores têm voltado a investir na Ásia nas últimas semanas, e sinais de que a Casa Branca está considerando usar parte do pacote de resgate de US$ 700 bilhões para o resgate do setor financeiro para ajudar as montadoras ampliou essa tendência.

Entretanto, dados ruins norte-americanos, um déficit fiscal em rápido crescimento e a probabilidade de o Federal Reserve cortar a taxa de juro foram fatores que se somaram para enfraquecer o dólar.

"A maré parece ter virado nas últimas sessões, com notícias ruins quanto à economia dos Estados Unidos agora atingindo diretamente o dólar norte-americano ao invés de fortalecê-lo", disse Nizam Idris, estrategista de câmbio do UBS em Cingapura.

"Mais comentários em relação a qualquer solução alternativa ao setor automotivo serão seguidos de perto durante o dia e, consequentemente, estratégicos para o sentimento de risco", disse Idris em uma nota.

O índice MSCI das principais ações asiáticas com exceção do Japão registrava valorização de 3,19% por volta das 7h36 (horário de Brasília) e acumula alta de 7% em dezembro, rumo ao registro de seu primeiro mês de fechamento em valorização desde abril.

As bolsas do Japão e da Coréia do Sul puxaram o bom desempenho no continente. O índice Nikkei de Tóquio terminou em alta de 5,2%, com as ações da Honda subindo 8,5%, uma das maiores valorizações do índice.

O índice Kospi, da Córeia do Sul, terminou em alta de 4,9%.

O indicador Hang Seng, de Hong Kong, se valorizou 2%, impulsionado por HSBC e China Mobile. China Construction Bank e Bank of China (Hong Kong) foram os únicos papéis que terminaram o dia em queda.

Na Austrália, o principal índice terminou em alta de 2,3%, enquanto em Xangai a valorização foi de 0,52%. O principal indicador de Taiwan terminou o dia com alta de 2,96%, e em Cingapura a alta foi de 1,98%.

Leia mais sobre Bolsa de valores

Leia tudo sobre: bolsa de valores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG