Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Especialistas preparam crítica à gestão de ajuda financeira nos EUA

Washington, 10 dez (EFE).- Um grupo de especialistas que supervisiona o pacote de resgate financeiro de US$ 700 bilhões irá hoje à Câmara de Representantes dos Estados Unidos, onde criticarão a gestão feita pelo Governo do presidente George W.

EFE |

Bush, afirmou o jornal "The Wall Street Journal".

Os especialistas assistirão ao Comitê de Serviços Financeiros da Câmara de Representantes, às 13h de Brasília, e pedirão que o Governo atue de forma mais decisiva para impedir as execuções de hipotecas.

O Congresso aprovou e Bush promulgou no início de outubro um plano de US$ 700 bilhões, e deram ao secretário do Tesouro americano, Henry Paulson, atribuições extraordinárias para a gestão dos fundos.

No entanto, a resistência de alguns legisladores impôs o requisito de um relatório de supervisão antes da entrega ao Governo da metade do pacote que, segundo a versão original de Paulson, seria usada para adquirir títulos hipotecários de alto risco, a fim de sanar a solvência das instituições financeiras.

Paulson mudou o programa em meados de outubro e destinou cerca de US$ 250 bilhões para investimentos em bancos privados e a nacionalização da firma seguradora American International Group.

Em meados de novembro, o Governo indicou que destinaria recursos para a compra de hipotecas.

Segundo o "Wall Street Journal", a principal integrante do grupo de supervisão, a professora Elizabeth Warren, da Universidade de Harvard, "questionará por que não foi feito mais para evitar as execuções hipotecárias". EFE jab/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG