Buenos Aires, 22 - O processamento de soja da Argentina cresceu 23% em julho, na comparação com igual período do ano passado, para 3,453 milhões de toneladas. Segundo a Secretaria de Agricultura, a indústria produziu 655,76 mil toneladas de óleo e 2,71 milhões de toneladas de farelo.

O esmagamento da oleaginosa foi retomado em julho, depois que uma greve de produtores limitou a disponibilidade de grãos nos dois meses anteriores. Os agricultores protestavam contra a elevação das tarifas de exportação, mais tarde revogada pelo Congresso. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.