Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Equador espera volta de embaixador do Brasil para normalizar relações

O Equador aguarda o retorno do embaixador do Brasil a Quito para normalizar as relações diplomáticas bilaterais, destacou nesta quinta-feira o chanceler equatoriano, Fander Falconí.

AFP |

O embaixador brasileiro em Quito, Antonino Marques Porto, foi chamado para consultas após o governo de Rafael Correa anunciar o calote da dívida equatoriana com o BNDES, de 243 milhões de dólares.

Na recente Cúpula da América Latina e do Caribe, realizada na Bahia, Correa pediu ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que determine o retorno do diplomata a Quito para normalizar as fraternas relações bilaterais, disse Falconí.

Em novembre passado, o Brasil chamou Marques Porto para consultas, após Quito anunciar que recorreria à arbitragem internacional para não pagar o empréstimo concedido pelo BNDES para a construção da hidrelétrica de San Francisco, realizada pela brasileira Odebrecht.

Falconí disse hoje que o Equador prosseguirá com sua ação "nos mecanismos de arbitragem internacional", exatamente na Câmara de Comércio Internacional (CCI) de Paris, mas destacou que "não será suspenso" o pagamento da próxima parcela do empréstimo, previsto para 27 de dezembro.

Segundo o Equador, o dinheiro do BNDES foi entregue diretamente a Odebrecht, expulsa do país devido as diversas falhas que a usina de San Francisco apresentou apenas um ano após sua entrega.

SP/LR

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG