deplora convocação de embaixador do Brasil - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Equador deplora convocação de embaixador do Brasil

O Equador deplorou nesta sexta-feira a decisão do Brasil de chamar seu embaixador em Quito para consultas, após a decisão equatoriana de iniciar um processo judicial para não pagar um empréstimo concedido pelo BNDES, informou sua chancelaria.

Redação com agências internacionais |

 

Quito "deplora a decisão adotada pelo governo do Brasil" e "reafirma sua permanente disposição para continuar mantendo as relações bilaterais em alto nível de amizade e cooperação", assinalou o ministério das Relações Exteriores.

A decisão do governo brasileiro de convocar o embaixador foi tomada depois que o governo equatoriano apresentou um processo de arbitragem na Câmara de Comércio Internacional em Paris para frear o pagamento do empréstimo contraído com o BNDES.

O banco concedeu um empréstimo de US$ 286 milhões para financiar a construção da hidrelétrica de San Francisco, a cargo da construtora Odebrecht, expulsa do Equador, em 22 de setembro, ao considerar que não cumpriu reparos da central construída.

Em resposta, o ministro coordenador de Segurança Interna e Externa equatoriano, Gustavo Larrea, havia afirmado que "o governo do Equador respeita a decisão do Brasil de convocar para consultas o embaixador brasileiro no país".

(Com informações da EFE e AFP)

Leia tudo sobre: equador

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG